top of page

The great pretender

Não, não foi lançado uma nova edição da conhecida música dos Queen - The Great Pretender. Mas lembrei-me do titulo desta música por causa de ainda haver muitas pessoas por ai que dizem que nos dias de hoje há cada vez mais pessoas a quererem ser autistas. Não que isso represente algum mal. Mas as forma como algumas pessoas o colocam tem uma segunda intenção. Ou seja, pretendem dizer que há um número crescente de pessoas que agora vê que ser autista é considerado moda e como tal também o quer ser.


Ainda que a ideia seja absurda, têm um impacto, em cima de tantas outras situações que continuam a fazer demorar o diagnóstico nas pessoas adultas. E se faltar ideias a alguém para justificar o porquê do absurdo, pensem que as pessoas que pudessem estar a querer fingir tal coisa, não só não iriam receber nenhuma vantagem, mas também iriam sofrer todo um conjunto de situações negativas, tais como estigma social. Para além de verem a possibilidade de passar na entrevista de emprego e ficarem com a oferta de trabalho. Ou de verem as outras pessoas a olharem para si de uma forma estranha e a afastarem-se ou dizerem a outros para não se aproximar de si porque é uma pessoa estranha.


Por isso, se ouvir alguém dizer que pensa que poderá estar no Espectro do Autismo não fique logo como na música dos Queen "Oh yes I'm the great pretender (ooh ooh). Pretending I'm doing well (ooh ooh)...". Ou seja, não fique logo a pensar e até mesmo a dizer à pessoa que aquilo é um total disparate. Ou que ela acredita em tudo o que lê, etc. Procure pensar que a pessoa certamente será melhor conhecedora de si do que qualquer outra pessoa, nomeadamente você. Além de que deverá estar suficientemente confusa e ansiosa por saber o que na verdade se passa consigo. E como tal precisa da sua compreensão e porventura ajuda.


18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page