top of page

Kum ba yah

O verão começou no dia 21 de junho às 04h32 este ano. E vai durar durante os próximos três meses. E não se ponha a dizer que este ano vai ser diferente por causa do COVID-19. Até porque as pessoas autistas há muito que têm verões bastante diferentes, e com muitos sobressaltos em todos eles, começando pela fraca oferta adaptada. Isto acontece para as crianças e jovens e nem se fala para os adultos.


Mas uma coisa é certa, todos nós precisamos de um período de descanso para retemperar as nossas energias. De nos libertarmos de determinadas rotinas realizadas durante o ano. Ou de nos vestirmos de forma mais confortável os dias seguidos, acordar sem despertador, saltar refeições, fazer o que nos apetecer e sem constrangimentos. São várias as possibilidades. Mas uma coisa parece importante, haver um lugar para transvasar as nossas energias parece ser fundamental.


Ainda que esteja a falar de férias, estas também podem representar o surgimento de novas oportunidades. Ou seja, quem melhor para saber o que é que as pessoas autistas poderão gostar de fazer nas suas férias de verão do que uma outra pessoa autista adulta? E quando se pensa que é importante ajudar as pessoas autistas a se tornarem empreendedoras e construírem o seu próprio negócio, diria que esta área está completamente por explorar.


Seja como for, é importante poder haver alguma forma de planeamento para poder usufruir de algum tempo de férias. Seja sozinho ou em grupo, com a família ou amigos, é importante que possam ser de acordo com o que deseja. No caso de ser adulto e ainda ir de férias com os seus pais, procure negociar as férias, se estas não estiverem a ter em conta nada daquilo que gostaria de poder fazer. Se sentir que não o consegue fazer sozinho, procure pedir ajuda a alguém em que confia para o poder fazer em colaboração consigo. Muitas vezes, um trabalho em conjunto pode ser mais eficaz. E quem sabe essa mesma pessoa não poderá acabar por ir consigo de férias! Mesmo nas situações em que vá ficar em sua casa durante este período de férias procure alternar algumas das actividades a realizar. Apesar de ser compreensível que possa querer fazer as suas rotinas, é importante alternar alguma actividades, até para o seu cérebro não se aborrecer com tanta facilidade e isso ter impacto no seu humor. De sublinhar que estas actividades devem ser de acordo com as suas preferências e poder realiza-las dentro dos momentos e duração que entender ser adequado para si.


15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page