top of page

Para aqueles que são como São Tomé

Se você costuma ser como o apóstolo São Tomé que dizia - Só acredito vendo! Está prestes a assistir a um "milagre". Na imagem está a ver homens e mulheres autistas que estão a desempenhar a sua actividade no seu local de trabalho. Não estão apenas a pousar para a fotografia. Estão mesmo a fazer alguma actividade que diz respeito à formação que realizaram no seu curso profissional ou Ensino Superior. Além disso, todos eles estão neste momento com um contrato de trabalho. Agora já consegue acreditar que as pessoas autistas podem e querem trabalhar? Óptimo. Então se é empregador comece a contrata-los. Se é recrutador comece a fazer um recrutamento inclusivo. Se é colega não fique assustado por ter alguém a trabalhar consigo com este diagnóstico. E tudo isto porque cerca de 60% das pessoas autistas adultas não têm um emprego ou trabalho. E cerca de 40% tem um emprego instável, seja um estágio ou um contrato de trabalho com uma remuneração abaixo do esperado para a função. E se pensa que existem poucas pessoas autistas, fique a saber que 1% da população mundial tem um diagnóstico de Perturbação do Espectro do Autismo.


34 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page