top of page

Nunca digas que não a uma mulher Escocesa

Este poderia ser um titulo de um qualquer filme a estrear, mas não é. Na verdade, na fotografia encontra-se Elle McNicoll, uma mulher Escocesa. Elle é escritora, e como tantos outros escritores foi-se questionando de porque é que não existe na literatura este ou aquele tipo de personagens. No caso de Elle, a sua dúvida era de porque é que não existia nenhuma personagem feminina autista. Além de acrescentar outras questões. Tais como, do porquê de não haver livros com personagens deficientes que não fossem somente traumáticos, chatos ou educativos, mas também divertidos e cheios de vida. Estas questões da Elle são bastante importantes, até porque se prendem com a representação que as pessoas na Sociedade vão tendo acerca do autismo, das pessoas autistas e das pessoas com deficiência de uma maneira geral. Ou seja, de que as histórias destas pessoas têm de necessária e obrigatoriamente ser dramáticas. Não que muitas delas não o sejam. Basta ver o que muitos dos relatórios dizem sobre a sua realidade. No entanto a vida das pessoas é muito mais do que isso, e é importante haver um espaço para o poder escrever. E foi isso que Elle procurou. Ainda que tenha no seu caminho encontrado muitos obstáculos para a publicação desta sua ideia. Tal como muitas pessoas autistas vão sentido os obstáculos na sua vida. E grande parte deles colocados por pessoas não autistas. A Elle ouviu repetidamente dizer das várias editores que consultou de que aquela sua ideia não era vendável. Não era, precisamente. Porque entretanto Elle McNicoll publicou o seu primeiro livro com uma personagem feminina autista - A Kind of Spark. Livro este que entretanto foi premiado no Reino Unido. Que este seu esforço e empenho seja uma centelha para que continue a haver muitas outras pessoas, autistas e não autistas a querer fazer parte da construção deste caminho mais justo e também sorridente para todos.


16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page